Como impulsionar a internacionalização municipal com o marketing de cidades

Atualizado: Mai 3


Nos últimos anos, vem se destacando a preocupação dos municípios com suas projeções mundiais, e muito se deve à globalização que se intensifica e impõe às cidades a urgência de buscar uma diferenciação em meio às diversas esferas que atuam. Projetar uma cidade mundialmente faz parte do interesse em políticas públicas que englobem a atuação internacional dos governos locais, atrelada ao desenvolvimento das localidades em questão. Esse interesse expressa a percepção de que participar de decisões internacionais garante benefícios em diversas esferas, como econômicas, políticas e até culturais.

A atuação internacional via marketing urbano E quais são os principais aspectos da atuação internacional? Podemos dizer que eles se resumem a três dimensões: a política e cooperação internacional, a promoção econômica e o marketing de cidades. Esta última em especial é utilizada de forma a evidenciar potencialidades do território perante as demais localidades nacionais e internacionais, uma vez que atualmente, a elaboração de políticas públicas capazes de proporcionar visibilidade internacional abarca esse poderoso instrumento na gestão pública. A fim de ampliar a eficiência e inovação da gestão governamental, o marketing urbano traz consigo benefícios econômicos, turísticos, culturais, sociais e políticos. A maior capacidade de desenvolvimento do setor produtivo por meio da atração de investimentos e de turismo externo como resultado da estratégia de marketing impacta diretamente na geração de emprego e renda por exemplo.


Como tornar os municípios atrativos internacionalmente a partir do marketing de cidades?

Além do benefício econômico, o marketing urbano também carrega benefício cultural, que ocorre por meio da valorização de costumes, tradições e idiomas como forma de fortalecimento identitário de um povo. Também é válido ressaltar a importância da participação em eventos ou premiações internacionais, os quais juntos da promoção da marca da cidade propicia a ampliação da visibilidade municipal. Por isso, a Orbe acredita que apostar na construção de uma “marca” para o município é o primeiro passo para alavancar o caminho da internacionalização municipal. A busca por uma simbologia que seja reconhecida mundialmente perpassa o reforço da identificação dos cidadãos com sua cidade, organizações e serviços. Ademais, sediar eventos de alcance mundial é uma via eficaz para dar visibilidade à sua marca, como pode ser observado na cidade do Rio de Janeiro, que ao ter sediado a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, Rio+20, recebeu um grande número de chefes de Estado e atraiu milhares de participantes que proporcionaram a construção de uma relação de credibilidade ao agregar conhecimento sobre o território em questão.


Quais os resultados desse processo de internacionalização municipal?

Em linhas gerais, podemos afirmar que a inserção de um município em redes globais, direcionada à cooperação internacional engloba o compartilhamento de experiências entre municípios e é capaz de aprimorar políticas públicas a partir de perspectivas e culturas distintas. Assim, a internacionalização municipal confere diversas análises de tendências e inovações governamentais à uma gestão de sucesso, além de ampliar a influência do poder local na conjuntura internacional. Dessa forma, a Orbe Consultoria Internacional acredita nas oportunidades de internacionalização como ferramentas de sucesso!


Fontes: CNM | CNM | Revista de Sociologia e Política



Agende um diagnóstico gratuito!

arrow&v
arrow&v
arrow&v
arrow&v

© 2020 | Empresa Júnior de Relações Internacionais da Faculdade de Ciências Humanas e Sociais de Franca, São Paulo.