Business%20Colleagues_edited.jpg
  • Orbe

Exportação de serviços: como ampliar e diversificar seu mercado consumidor

Atualizado: 30 de abr. de 2021

A exportação de serviços vem crescendo bastante nos últimos anos, por isso, nós da Orbe - Consultoria Internacional trouxemos algumas informações que vão te ajudar a entender melhor como exportar seu serviço com sucesso!


Segundo o MDIC — Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços — o setor de prestação de serviços aqui no Brasil tem um peso grande no PIB, significando mais de 70% nesse índice. Porém, quando olhamos o comércio exterior, percebemos que a exportação de serviços poderia ser maior no Brasil.


Esta ausência de grandes porcentagens de exportação de serviços se dá, em grande medida, na dificuldade de caracterizar a exportação de serviços, como também dificuldades relativas ao planejamento e até mesmo conhecimento tributário específico.


No mundo globalizado em que vivemos, é super normal que os países ao redor do mundo, dediquem seus esforços na garantia do sucesso na exportação de serviços. Antigamente achava-se que não era possível exportar serviços, a não ser certos tipos de serviços profissionais, como, por exemplo, os de engenharia e consultoria, mas isso mudou muito de uns tempos para cá.


A globalização tornou a exportação de serviços não só possível como, em alguns setores, muito fácil. A revolução nas ferramentas de comunicação e na tecnologia da informação fez com que o acesso de prestadores de serviço a outros lugares do mundo fosse possível e também aumentou as possibilidades de exportação de serviços, dos mais variados tipos. Então, se você deseja entender mais sobre as exportações de serviço fique aqui com a gente que Orbe separou algumas informações sobre o ramo de exportação de serviços e como ele pode ser muito benéfico para sua empresa!



Mas Orbe, o que é exportação de serviços?


Calma, essa pergunta é bem comum justamente por conhecermos mais a tradicional exportação de produtos ou de bens. A exportação de serviços não é tão óbvia como a exportação tradicional de bens, como a de carne ou de automóvel, por exemplo. Mas de maneira simples, a exportação de serviços ocorre quando um prestador de serviços residente em um determinado país acaba oferecendo seus serviços para uma pessoa física ou jurídica em outro país. Simples, não é mesmo?


Para exemplificar este cenário podemos pensar em quando profissionais brasileiros, residentes no Brasil, como advogados ou engenheiros, vão trabalhar por um determinado período em outro país,